sexta-feira, 23 de outubro de 2009

Vida é tudo de bom..

Existir...faz sentido..
Vida é bom!! Pode até ser
com aquela dorzinha no lado esquerdo..!
Ou no direito, tanto faz..
Olhar um filho, o pai, irmãos
uma netinha...
Viver é demais..
É muito legal..
é normal
é sadio..
Faz sentido..

Ainda não inventaram
nada melhor...
Já?
Eu duvido!!!

8 comentários:

Cynthia Lopes disse...

Acho que... não! Afinal viver traz consigo inúmeras possibilidades, bjs e um bom final de semana para ti tbém.

Ricardo Kersting disse...

Oi Cynthia..
Então, o teu não vai para viver é bom ou para ainda não inventaram nada melhor?
Beijos...

Sonhadora disse...

Ricardo
muito lindo o teu poema, cheio de esperança.
Beijos

Cynthia Lopes disse...

rsrsrs... para sua pergunta, meu querido, ainda não inventaram nada melhor!!!!!!!!! bjs

Simone Aver disse...

É tudo de bom, é tudo de ruim, é tudo de tudo um pouco...rs.... mas, ainda que se corra o risco de parafrasear o grande Pessoa, vale a pena... sempre, absolutamente sempre, vale a pena...rs... Viver machuca um pouco (às vezes, muito); quase sempre dói e é um mistério eterno, do início ao fim... E mesmo que a gente, de vez em quando, preferiria que fosse ao menos um tantinho mais leve, ah... indizível é o prazer da vida... né?...rs... Bjks

Ricardo Kersting disse...

Oi Sonhadora..
Muito obrigado pela tua opinião e companhia...
Precisamos ter esperança realmente...
Beijos

Ricardo Kersting disse...

Simone.
"Mesmo com todos os defeitos a vida é perfeita". Estranho mas verdadeiro.. Há coisas inevitáveis que lutamos para evitar, por outro lado, deixamos acontecer outras que nem precisavam existir.. E aí? Como saímos dessa?
Beijos..

Simone Aver disse...

Não saímos, meu querido. Não saímos..rs... Não se sai de nada na vida, como se saíssemos de nossas casas. Nada disso... Não se sai...rs... Discordo que algumas coisas não precisavam existir (ou acontecer); tudo o que acontece, acontece pq precisava acontecer, creio; e, se ainda não descobrimos as razões da existência disso ou daquilo, é por não estarmos mesmo preparados, pra saber, ou por não termos aberto (purificado?) os olhos, o suficiente. O fato é que tudo tem um motivo. Eu sei que isso soa meio fatalista, ou meio determinista, que, para a maioria, nada disso que eu disse faz sentido...rsrsrs... ok, ok, confesso que eu mesma me pergunto se faz...rs... e sempre encontro a mesma resposta: SIM! Até quando? Até que eu descubra que é possível 'sair dessa' (no entanto, quem disse que quero descobrir tal coisa?rsrsrsrs). Bjs, com carinho, respeito e admiração, pelo homem, pelo artista e pela pessoa que és.