sexta-feira, 20 de março de 2009

Depende


Ainda havia plantas

sombras

solidão também festa.

Pés de plantas

pé que nunca calçara

uma luz no fundo do quintal.

Falava do tempo que se enxergava,

era o futuro

mas no presente

depende.


Havia razões para crer nas pessoas

nem sempre precisava gostar delas.

Hoje olho para o tempo

vejo outro futuro

presente?


Depende...


ao lado do rosto deste guri

há um carimbo

dito: dependente

passado

futuro?

Presente

ainda

depende.


Perguntaria Mário Quintana

"O que estará pensando esse guri"?



Depende..

2 comentários:

Simone Aver disse...

E as dependências vão se multiplicando, ao longo da vida da gente... depende disso, depende daquilo, depende do passado, depende do presente, depende do que me reserva o futuro... depende? Abraços

Ricardo Kersting disse...

Depende..
"Por aqui nada parece contigo
mas mesmo assim eu encontro
em cada passo um gesto teu,
em cada lua o teu olhar.
Tudo DEPENDE do meu estado
de espírito". Arnaldo Sisson.

Tudo depende.