terça-feira, 19 de janeiro de 2010

Teus olhos.

Teus olhos
calaram a minha tristeza
choraram a minha dor
enquanto os meus
não sei se de arrependimento
fecharam-se sob a escuridão
e tormento
pra abrirem-se neste momento
sob a luz
do teu amor.

2 comentários:

Cynthia Lopes disse...

Mais de seus lindos poemas meu amigo, parece que estás mais sensível, muito bom.
bjs

Sonhadora disse...

Ricardo
Lindo e sensivel o teu poema.
gostei muito...diferente.

Beijinhos