terça-feira, 16 de março de 2010

Advérbio.

Nunca foste minha
nem te mereço
talvez o tempo se desfaça
e tudo volte ao início
que reflita em meus olhos
para que eu nunca esqueça
e nesse presságio
que a chuva escorra
e abençoada sejas.

Seja último...beijo
última metade
seja a primeira
seja a minha
contra tua vontade
que seja a última
palavra não dita
em teu ventre...bendita
sejas sempre até nunca
sejas viva e minha
para que eu
te mereça.

2 comentários:

Sonhadora disse...

Ricardo
Maravilhoso, nostalgico...mas gostei muito.
Tenho saudades do Ricardo, que é feito dele???

Beijinhos com carinho
Rosa

Cynthia Lopes disse...

Faço minhas as saudades de minha amiga Rosa-Flor e te digo de coração, "que a chuva corra, e abençoado sejas, pela terra toda."
bjs