terça-feira, 29 de setembro de 2009

Cem + setenta e cinco. Tudo inútil


A escultura é condicionada a não ter movimento
aparente.
O figurativo é a definição da escultura, objetivo final.
Desafiar o espaço sem criar o espaço "aparente".
A exteriorização do volume não ajuda em nada.
Aparentemente.
A tridimensionalidade confere a solidez, aparente.
O gênero cria as próprias asas.

Aparentemente.

2 comentários:

Cynthia Lopes disse...

Aparentemente tudo pode ser, em sua aparente verdade. Sei apenas do que posso ver e vejo aladas formas, contornos sofridos, ideias jovens, muitos começos e a possibilidade infinita dos muitos fins. bjs

Simone Aver disse...

Meu amigo, acabo aqui de não ler um poema, mas uma escultura. Bom... muito bom... Bjs