quinta-feira, 30 de setembro de 2010

Além do mar.

Teus olhos negros são brilhantes
que claream a noite como fulgor estelar.
Teus cabelos são como ondas densas
de puro desejo...perfumando as flores
que se enfeitam ao te verem passar.
A tua pele é macia
e tenra como a rosa púrpura
rainha do jardim
a quem emprestas o perfume e a cor
dos teus lábios..... carmim.

Olha com vagar e vê...
quanta beleza tens
para me dar.
Te vejo tão triste
atrás do horizonte
num lugar tão distante
demais para te tocar
mas navego no sonho
nas asas do vento
às terras ao longe
do outro lado do mar.

Chego à noite
num clarão de lua
nesta canção só tua
te abraço...e entôo meu cantar.

3 comentários:

Sonhadora disse...

Meu querido
Um poema de amor, sentido.
Um cantico a uma bela musa.
Fico feliz por ti...se não fôr apenas um sonho.
Uma quimera de poetas.

Deixo-te o meu carinho e um beijinho
Sonhadora

Sonhadora disse...

Meu querido

Voltei aqui para te dizer que este poema é dos que mais me tocou...é tão belo e cheio de ternura.

Beijinhos com carinho
Sonhadora

Cynthia Lopes disse...

Uau, andas romântico mesmo!
bjs