terça-feira, 15 de junho de 2010

Para os detentores da crítica construtiva.

Sempre quis ser um grande homem.
É claro que essas coisas povoam o nosso imaginário
durante um certo tempo, depois passam. Nem sempre
sabemos se conseguimos ser ou não, então quem se importa?
Sinceramente, não vejo muitos méritos nisso.
Já temos batalhas diárias com pequeninas questões que
acabam se tornando imensas..Isso realmente é muito
mais importante.
Meu esforço para trabalhar não é tão grande, mas a
resistência para veicular o trabalho é praticamente
insuperável..Não há dificuldade naquilo que realizo, nem
deveria, pois qualquer atividade humana tem que ser leve
e fluir naturalmente.
Então quais são as barreiras que tanto nos atrapalham?
Creio ser difícil para qualquer pessoa definir algo que
ela plantou inconscientemente. Em geral, nos dizem isso,
tu mesmo está dificultando a tua vida.
É! Parece bem fácil olhar a cara do outro e apontar seus
supostos erros. Mas, as soluções?
Crítica construtiva na verdade é um boa desculpa para
esculachar o próximo. Quando alguém começa a conversa com
essa máxima, "vou fazer uma crítica construtiva", podemos
ter certeza de que lá vem esculacho.
Chega o momento derradeiro em que temos de tomar atitudes
meio drásticas, tipo, vou ficar quieto no meu canto e não
vou dar conversa para ninguém. Eu digo de cadeira, não
façam isso! Porque é exatamente isso que querem que
façamos.
Existe uma formação para críticos. Não, não é uma formação
de escola, mas uma formação de fracassos e frustrações.
Ninguém teria na realidade condições de criticar quem
fosse, pois ninguém sabe das dificuldades de cada um.
"Cada um sabe a dor e a delícia de ser o que é". Caetano já
definiu a individualidade humana com essa frase.
Dessa maneira, acredito que aquele que se arroga as condições
para criticar é porque já fracassou em todas as atividades
e tentativas. É muito mais fácil falar mal do que fazer,
não é mesmo?

Um comentário:

Sonhadora disse...

Meu querido Ricardo
Uma grande verdade o teu texto, é mesmo assim...criticar é fácil, fazer é mais difícil.

Deixo-te um beijinho e a minha admiração por ti.

Sonhadora