quinta-feira, 4 de fevereiro de 2010

Lá fora.

Lá fora há rugidos
dos esquecidos
dos foragidos.
Enquanto a cidade se arma
da dor dos
enxotados.
Há traidos
sonhos perdidos
partidos.
Enquanto a cidade se alarma
com a dor dos
abandonados.

2 comentários:

Cynthia Lopes disse...

Muito bem colocado Ricardo, ótimo poema.
bjs

Sonhadora disse...

Ricardo
Lindo poema...cada vez os teus poemas são mais belos.

Há traidos
sonhos perdidos
partidos.
Enquanto a cidade se alarma
com a dor dos
abandonados.

Lindo

Beijinhos