sexta-feira, 25 de dezembro de 2009

Tuas palavras duas.

Nada tenho contra pessoas inconstantes.
A inconstância me atrai ao mesmo tempo
que repele os covardes.
Mas queria poder saber tanto o quanto
é incógnita a trajetória destes seres maravilhosos.
Destes que desafiam o futuro
como se fosse um passeio noturno.
Nada vejo de inseguro no semblante volúvel
de um mutante.
Vejo a poesia infinita
a surpresa de cada dia
que resulta em vida.

Mas queria saber mais sobre esse
universo...desconhecido
para aqueles que se consideram
normais? Assim como...
eu.

2 comentários:

LiLi disse...

Um dia eu te explico... =)

Sonhadora disse...

Meu querido Ricardo.
Desilusão...será.
desejo-te tudo de bom para 2010.
Um beijinho

Sonhadora