terça-feira, 16 de julho de 2013

Nada.


O nada que vemos.

Não vemos.
Por tudo que temos
ou nada que somos?

4 comentários:

Simone Aver disse...

Muito triste. Doído. Real.

Cynthia Lopes disse...

Ricardo a imagem e sua tradução em palavras, versos, são muito fortes..., às vezes precisamos de um choque de realidade. É triste ver o amor não aquecer mais os corações. Que Deus tenha misericórdia de nós, de todos nós!

Gianna disse...

Por quê?

LiLi disse...

Muito fácil admitir que nada somos quando tudo temos. Pq qd realmente nada somos, não percebemos. O difícil é ver. Num sei... Palavras ao vento... Quem sabe se merecemos a resposta?